HomeBebêsAmamentaçãoEspecial Aleitamento Materno: a pega correta
pega correta

Especial Aleitamento Materno: a pega correta

Se você está grávida ou amamentando com certeza vai ouvir falar muito sobre a “pega correta” na amamentação. Ela é essencial para um aleitamento bem sucedido, pois somente com ela o bebê vai aprender a retirar o leite do seio de forma eficiente, sem machucar o seio materno. Você sabia que a “pega errada” é uma das principais dificuldade na amamentação, sendo responsável muitas vezes pelo desmame precoce? Na matéria de hoje, vamos falar mais sobre a pega correta e dar dicas para você acertar a posição!

pega correta

A importância da pega correta

Entre os possíveis problemas relativos à amamentação, como mamilos machucados, ingurgitamento mamário, mastite, bebês que não ganham peso, entre outros, a grande maioria está estreitamente ligada com a pega incorreta. Mesmo que muitas mães conheçam a posição na teoria, nem sempre é fácil colocá-la em prática. Acredite: no início é mais fácil ter dificuldade de fazer o bebê mamar corretamente do que o contrário.

Um dos primeiros sinais de pega incorreta são as feridas. O bebê não consegue abocanhar a aréola e acaba fissurando os mamilos. A produção de leite não cresce e o bebê não ganha peso, que também é outro indicador de dificuldades na posição. Por isso é tão importante se informar sobre a pega correta ainda durante a gravidez. A ajuda de uma consultora especializada em amamentação também faz toda a diferença.

 

Conheça os benefícios da pega correta na amamentação:

  • Mulheres com mamilos planos ou invertidos conseguem amamentar normalmente, pois o bebê abocanha a aréola e não somente o mamilo;
  • Evita fissuras e mastites;
  • O bebê consegue ingerir as três etapas do leite, fundamentais para a hidratação, nutrição e ganho de peso;
  • A produção de leite aumenta, de acordo com a necessidade do bebê;
  • Evita gases e cólicas;
  • Possibilita que a mãe amamente em diversas posições, inclusive deitada, facilitando a rotina das mamadas noturnas;

 

Como é a pega correta?

A pega está correta quando o bebê abocanha uma boa parte da aréola junto com o mamilo. Ele consegue colocar o seio mais profundamente na boca e fazer movimentos ritmados com a língua, sugando o leite de forma eficiente. Confira no quadro:

pega correta

É importante que a mãe verifique a pega durante toda a mamada. Se você sentir que o bebê mudou a posição e fechou um pouco a boca, ajeite com cuidado você mesma, puxando o queixo dele para baixo delicadamente. Mas o ideal é retirar o seio da boca dele, com a ajuda do seu dedo, e reposicioná-lo de forma correta. Outra ótima dica para facilitar a pega correta é esvaziar um pouco as mamas antes da mamada. Se o seio estiver muito cheio, com a aréola “dura”, o bebê terá mais dificuldade de acertar a pega.

 

Busque ajuda

Se você está com dificuldade em acertar a pega sozinha, não desanime! Procurar uma ajuda especializada é essencial, principalmente com os bebês recém-nascidos. Os bancos de leite costumam oferecer uma consultoria gratuita em amamentação, assim como os postos públicos de saúde. Clique aqui e localize o banco de leite mais próximo de você.

 

Com informações da Sociedade Brasileira de Pediatria e Grupo Virtual de Amamentação.

 

 

Não quer perder nenhuma de nossas dicas??
Siga todas as nossas redes sociais

Facebook, Instagram (@ficargravida) e Pinterest.

 

Leia mais

Especial Aleitamento Materno: seja bem vindo, Agosto Dourado!

Especial Aleitamento Materno: como se preparar para a amamentação?

 

 

 

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.