HomeBebêsAmamentaçãoAlimentação durante a amamentação
mãe amamentando

Alimentação durante a amamentação

A boa alimentação durante a amamentação é essencial para o bebê crescer forte e saudável. É importante que a lactante mantenha uma alimentação saudável durante todo o período da amamentação, pois tudo que é ingerido pela mamãe é passado para o bebê. Da mesma forma que o leite é super benéfico e auxilia no desenvolvimento do bebê, também pode causar desconfortos, como as temidas cólicas.

Além da enxurrada de informações encontradas na internet, tias, amigas, mãe, sogra e, até mesmo, desconhecidos sempre têm uma dica ou palpite sobre o que deve ser ingerido durante o período da amamentação. Para sanar as dúvidas mais frequentes, convidamos a nutricionista Tatiana Pimentel para responder algumas perguntas enviadas pelas nossas leitoras. Além disso, você também pode conferir a nossa matéria ‘Os mitos sobre a amamentação’.

Confira os conselhos da Tatiana e bom apetite!

Quais alimentos devem ser consumidos durante a amamentação que são ricos em vitaminas e trazem benefícios ao bebê?

Tatiana Pimentel – É importante que a gestante tenha um cardápio bem equilibrado, variado e colorido.  Com um aporte bacana de frutas, fibras e vitaminas antioxidantes. Alimentos ricos em fibras são importantes para manter o intestino saudável. Consuma: grãos integrais, fibras integrais – como pães integrais, aveia, quinoa, amaranto… Associe tudo isso a ingestão de água. É importante tornar o consumo de 2 a 3 litros de água por dia habitual.

Dica: é essencial consumir alimentos nutritivos como saladas e legumes.

Quais alimentos não devem ser ingeridos durante a amamentação? Quais alimentos podem dar cólica no bebê?

TP – Não tem alimento proibido. O que deve ser feito é uma avaliação do comportamento do bebê e da mãe após a ingestão de determinado alimento. O ideal é analisar o comportamento de bebê no primeiro trimestre. Saber se ele tem cólica e etc. O recomendável é evitar chocolates, refrigerantes e alimentos industrializados.

Leites e derivados também devem ser analisados conforme a tolerância da mãe e do bebê. Brócolis, espinafre, couve-flor e demais alimentos do grupo dos crucíferos também podem estar associados aos gases, assim como o grupo dos feijões.

Como eu disse anteriormente, não é possível afirmar que determinado alimento é proibido. Ele pode causar desconforto para uma lactante ou bebê, mas pode ser indiferente para outra mamãe. Por isso, é preciso avaliar de forma individualizada se você ou o seu bebê vão apresentar intolerância a determinado tipo de alimento.

O chocolate está liberado?

TP – Durante a amamentação deve ser avaliado, pois ele pode estar associado as cólicas no bebê. Se não estiver causando cólicas no bebê, ok.

Dica: opte pelo chocolate 70% cacau e evite o chocolate branco.

Determinados alimentos aumentam a produção do leite materno?

TP – Não há nada que comprove isso. A orientação é que a mamãe beba muita água, de 2 a 3 litros por dia. É importante se manter relaxada e se alimentar da forma mais saudável possível.

De quanto em quanto tempo devo amamentar?

TP – Isso é variável. Muitos pediatras recomendam a amamentação em livre demanda – principalmente se o bebê nascer prematuro ou com pouco peso.

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.