HomeBebêsAlimentaçãoIntrodução alimentar: cuidados na hora de preparar a papinha
papinha

Introdução alimentar: cuidados na hora de preparar a papinha

Enfim, o marco dos 6 meses! Muitas mamães esperam com grande ansiedade o início da introdução alimentar, quando o bebê vai poder conhecer os sabores e a textura dos alimentos. É uma ótima oportunidade também para toda a família ter uma dieta mais nutritiva, com a inclusão de mais legumes e verduras. Confira dicas para preparar a papinha do bebê com qualidade e segurança!

papinha

Do que você vai precisar para preparar a papinha do bebê?

Alguns utensílios podem facilitar bastante a tarefa:

  • Panela de pressão: esse tipo de panela é ótimo para preparar caldos e sopas de forma mais rápida, mas não é um item obrigatório.
  • Vários potes pequenos que possam ir ao freezer. Assim você pode cozinhar um dia da semana e congelar a papinha do bebê em porções individuais, para o resto da semana. Lembre-se de checar se os potes são livres de BPA (Bisfenol-A), substância que é prejudicial à saúde e pode ser encontrada em plásticos.
  • Uma bolsa térmica para levar os potinhos para passeios externos, como a casa da vovó, shopping e restaurantes.
  • Descascadores de legumes são baratinhos e ótimos para evitar o desperdício.
  • Cadeirão: não é obrigatório, mas irá facilitar na hora de oferecer a papinha ao bebê. No início também dá para usar o carrinho, em uma posição que o bebê consiga ficar sentado.
  • Pratinho de plástico: daqueles firmes, não descartáveis. Evite usar vidro
  • Babadores: indispensáveis para amenizar a sujeira (inevitável).
  • Colher de silicone: para não machucar a gengiva e a boca do bebê.
  • Mas e o liquidificador? Não precisa! A recomendação oficial da Sociedade Brasileira de Pediatria e dos pediatras atualmente é que os alimentos devem ser amassados com um garfo.

papinha

 

Como comprar os ingredientes?

Na hora de comprar os ingredientes, uma dica fundamental é escolher bem o local. Feiras livres costumam ter legumes, frutas e verduras mais frescos do que supermercados. As opções orgânicas são melhores, pois são livres de substâncias tóxicas. Apesar de serem mais caros, a quantidade de papinha que você irá preparar ainda é pequena e dá para investir em ingredientes orgânicos somente para o bebê. Evite comprar alimentos que estejam machucados ou pareçam passados.

A mesma recomendação vale para as proteínas. Compre carnes, peixes e frango em locais de ótima procedência e que contenham o alimento o mais fresco possível. Evite usar os que são expostos em bandejas.

Hora de colocar a mão na massa!

Antes de qualquer coisa, prenda o cabelo e lave muito bem as mãos. Compre uma escovinha para higienizar as unhas. Esse tipo de acessório também pode ser usado para lavar os legumes (tenha um específico para cada finalidade). Também higienize bem o local onde irá descascar e preparar os alimentos, seja a mesa, bancada ou pia da cozinha.

Lave os legumes em água corrente e potável, esfregando bem. O detergente neutro pode ser usado, desde que seja feito um enxágue completo depois. Para higienizar legumes e verduras de forma completa, deixe-os de molho em água com um pouco de água sanitária por, pelo menos, 15 minutos (1 colher de sopa por litro). Enxague os ingredientes mais uma vez em água corrente, para evitar que resíduos do produto permaneça nos alimentos. Você também pode usar o hipoclorito de sódio, que é vendido em supermercados e indicado para higienização de legumes e verduras.

papinha

 

Hora do preparo

Para preservar o máximo dos nutrientes, não ferva os legumes e verduras em uma grande quantidade de água. Você precisará jogar o excesso fora, junto com os nutrientes. Cozinhe muito bem os alimentos, até para facilitar o processo de amassar com o garfo e formar a papinha do bebê.

Para cozinhar as proteínas, retire a pele e a gordura antes do cozimento. Não precisa lavar. Esse tipo de medida pode aumentar o risco de contaminação. No início, elas devem ser processadas – ao contrário da recomendação com legumes e verduras. Perto dos 10 meses de idade, você poderá oferecer a proteína em pedaços bem pequenos ou desfiados.

 

 

Não quer perder nenhuma de nossas dicas??
Siga todas as nossas redes sociais

FacebookInstagram (@ficargravida) e Pinterest.

 

 

Leia mais

Pode dar mel para o bebê?

Saiba como escolher as frutas para o bebê

Introdução Alimentar: a hora das papinhas doces

Pesquisa afirma: BLW não diminui risco de sobrepeso

 

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.