HomeBebêsProtetor solar para bebês: Respondemos as principais dúvidas
protetor solar para bebês

Protetor solar para bebês: Respondemos as principais dúvidas

Tem mamãe que já estremece só de pensar em um parto previsto para o verão. Com as altas temperaturas da estação no Brasil, os cuidados com o recém-nascido exigem ainda mais jogo de cintura para aliviar o calor. Entre as dúvidas mais comuns, podemos citar o protetor solar para bebês. Será que precisa?

protetor solar para bebês

Tire suas dúvidas sobre protetor solar para bebês

Vamos começar falando sobre a idade do bebê. Especialistas em pediatria não recomendam o uso de protetor solar para bebês menores de seis meses. Eles ainda têm uma pele muito sensível para terem contato com os diversos componentes do produto.

Para protegê-lo do sol, os pais devem evitar mesmo a exposição solar (exceto nos rápidos banhos de sol recomendados pelo pediatra), com roupas leves e claras, de algodão e com chapéu. Esse último item é especialmente importante nos pequenos que são carequinhas ou têm pouco cabelo.

Nos passeios com carrinho, certifique que de manter o acessório respirável. Não tampe completamente, só o suficiente para promover sombra para o pequeno, sem prejudicar a circulação do ar. Esse cuidado é importante para evitar quadros de desidratação e insolação.

Bebês maiores de 6 meses

Após o sexto mês, o protetor solar para bebês já está liberado. Mas ainda é preciso tomar alguns cuidados. O ideal é sempre pedir orientação ao pediatra, mas também selecionamos algumas dicas para te ajudar.

protetor solar para bebês

Atenção ao FPS

Bebês e crianças precisam de proteção solar com FPS acima de 30, que proteja contra os raios UVA e UVB.

Composição do produto

Dê preferência para produtos formulados especialmente para bebês. Essa informação consta no rótulo e caracteriza protetores solares com fórmulas mais suaves.

Teste da reação

Como qualquer produto, o ideal é fazer um teste antes de usar uma quantidade maior do produto. Para isso, em um dia que você não vai sair com o bebê no sol, passe um pouquinho do creme na parte de dentro do braço do pequeno.

Observe a pele nos primeiros 20 minutos e nas horas seguintes se ocorre alguma mudança no aspecto da região, como irritação, vermelhidão ou alguma textura. Se aparecer, a chance de reação no resto do corpo também é grande e você deve buscar outra marca.

protetor solar para bebês

Onde aplicar o protetor solar para bebês?

Se der tudo certo no teste de reação, a família pode aplicar o protetor solar quando sair com o bebê. Aplique uma camada generosa e espalhe bem, sem esquecer de áreas que podem queimar como: cabeça, linha que divide o cabelo, alto das orelhas, pescoço (em torno da gola) e parte de cima dos pés.

Sempre aplique o protetor solar para bebês nas áreas descobertas por roupas. Reaplique a cada duas horas e quando o bebê tiver contato com água.

Atenção!

O uso de protetor solar não anula as demais recomendações de proteção, como:

– Evitar a exposição solar entre 10g e 16h;

– Usar sempre um chapéu;

– Usar roupas claras e de algodão;

– Manter o bebê sempre hidratado.

Lembrando que esses cuidados devem ser tomados inclusive nos dias mais nublados, que têm a quente sensação de “mormaço”, que também queima.

 

Não quer perder nenhuma de nossas dicas??
Siga todas as nossas redes sociais

FacebookInstagram (@ficargravida) e Pinterest.

 

Leia mais:

Coisas para bebê: 10 itens que você precisa comprar!

Berço portátil: Vale a pena comprar?

Acessórios para quarto de bebê: 5 produtos para uma decoração funcional

Bebê conforto e carrinho devem ser higienizados

Como escolher o melhor hidratante para bebê?

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Deixe um comentário