HomeComportamentoAdaptação do bebê na escolinha
bebê na escolinha

Adaptação do bebê na escolinha

É um fato! Em algum momento, toda família precisa encarar a difícil fase da adaptação do bebê na escolinha. Mesmo que a mãe demore para voltar ao trabalho ou que a criança fique sob os cuidados de uma babá ou da vovó, esse momento é inevitável: menor ou mais crescidinho, seu filho irá para a escolinha algum dia.

E para encarar essa fase com mais naturalidade, a principal adaptação é com os pais. Principalmente se a criança nunca havia ficado com outras pessoas até esse momento.

Preparamos algumas dicas para a adaptação do bebê na escolinha:

1 – Dedicação em casa fortalece o vínculo afetivo

A licença-maternidade é uma importante fase e que deve ser vivida de maneira plena, para facilitar a adaptação do bebê na escolinha. Se sentindo seguro e com uma relação estável com a mãe, o bebê não se sentirá abandonado.

A licença maternidade está acabando e agora?

bebê na escolinha

Para uma adaptação mais tranquila do bebê na escolinha, uma dica é reforçar o vínculo com a mãe desde o nascimento.

 

2 – Escolha da escolinha

A escolha da escolinha deve ser feita com calma, para que não haja arrependimentos e mudanças bruscas que deixarão o bebê inseguro. Uma dica é fazer isso ainda na gravidez, para ter tempo de visitar diversas opções. Converse com outras mães e peça referências. Elas vão te ajudar em muitos quesitos na maternidade, principalmente para a escolha do berçário.

  • A localização é um ponto importante. Escolha uma escolinha próxima da sua casa ou do trabalho. Leve em conta quem terá que deixar e buscar o bebê.
  • Limpeza e higiene são pré-requisitos básicos.
  • Veja a organização do ambiente e se os cuidadores são tranquilos.
  • Visite em um momento que possa observar como eles cuidam das crianças. Como oferecem a mamadeira, acalentam e se conversam de forma carinhosa.
  • Verifique como é a rotina e o local da soneca.
  • Veja como é a alimentação e se o local é protegido de acidentes.
  • Veja o número de crianças por cuidador.
bebê na escolinha

Bebê na escolinha: a escolha do berçário deve ser feita ainda na gravidez, com calma e visitas em diversas opções.

 

3 – Introdução alimentar

O pediatra pode recomendar que a introdução alimentar seja iniciada cerca de 15 dias antes de você voltar ao trabalho. É um momento importante para a criança se acostumar com uma nova rotina, sem amamentação e com horários para a papinha e mamadeira.

 

4 – A idade certeira!

A maioria dos especialistas afirmam que com 6 meses o bebê está preparado para a escolinha. Após os 9 meses, a adaptação pode ser mais difícil.

 

5 – Não chore!

Esse recado é para os papais. O bebê pode chorar! Mas sabemos que, na maioria das vezes, o adulto sente mais a separação do que a criança. O bebê pode ser influenciado por esse estado de estresse da mãe e também se agita. Mantenha a tranquilidade e transmita segurança para o seu filho.

Sentimentos das crianças: aprendizado começa com os pais

6 – Reserve um tempo para a adaptação

Cada escolinha tem uma exigência, mas a maioria pede que um dos pais acompanhe os primeiros dias do bebê no local. É importante para ele se sentir seguro caso precise de colo ou chore muito. Enquanto estiver na escolinha, incentive a interação do pequeno com os cuidadores, as outras crianças e brinquedos.

bebê na escolinha

Bebê na escolinha: na adaptação, incentive a interação da criança com o local, os brinquedos e outras crianças.

bebê na escolinha

Bebê na escolinha: quando a mãe se sente segura e tranquila, o bebe também demonstra menos resistência à nova rotina.

Fonte: Portal Bebe.com.br

 

Não quer perder nenhuma de nossas dicas??
Siga todas as nossas redes sociais

FacebookInstagram (@ficargravida) e Pinterest.

 

 

 

Leia mais textos de Comportamento:

A importância das brincadeiras na infância

Os diferentes aspectos da Maternidade

Escolinha ou casa da avó: como fazer a melhor escolha?

Medo de não amar o segundo filho

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.