HomeGravidezDicas, beleza e bem-estarÁcido fólico na gravidez: Entenda a importância
ácido fólico na gravidez

Ácido fólico na gravidez: Entenda a importância

A suplementação de ácido fólico na gravidez é uma das mais comentadas entre as futuras mamães. A vitamina deve ser tomada antes mesmo de engravidar, já que é importante para o desenvolvimento saudável do bebê e age nas primeiras quatro semanas de gestação.

ácido fólico na gravidez

O que é o ácido fólico?

Também conhecido como vitamina B9, folato ou metilfolato, o ácido fólico é um nutriente que faz parte do complexo B. Está presente em diversos itens da rotina alimentar do brasileiro. Sua inclusão é obrigatória para enriquecer a farinha de trigo, por exemplo.

É necessário para diversas funções do corpo humano, como a divisão e crescimento celular, construção de novas proteínas, formação de hemácias, além de ser parte importante da saúde cardiovascular e do sistema nervoso.

Na prática, ajuda a prevenir problemas como a depressão, anemia, câncer de cólon e doenças cardíacas. E um dos seus benefícios mais conhecidos do ácido fólico na gravidez está na prevenção de lesões no tubo neural do bebê.

ácido fólico na gravidez

Importância do ácido fólico na gravidez

Como atua efetivamente na prevenção de anomalias congênitas, que normalmente ocorrem no primeiro trimestre da gravidez, a suplementação de ácido fólico na gravidez garante o fechamento correto do tubo neural, o que evita o desenvolvimento da espinha bífida e anencefalia.

O tubo neural é desenvolvido logo nas primeiras quatro semanas, por isso é importante que a suplementação de ácido fólico seja inserida na rotina de mulheres que estão tentando engravidar. Em alguns países, os órgãos de saúde recomendam essa ingestão para todas as mulheres em idade fértil.

Se você está pensando em engravidar, converse com o seu ginecologista e peça a indicação do suplemento. Existem diversas marcas no mercado, algumas combinadas com outras vitaminas. Somente seu médico pode indicar o melhor para você.

Dose recomendada de ácido fólico na gravidez

A recomendação é iniciar suplementação 3 meses antes de engravidar, ou assim que iniciar as tentativas. A dosagem deve ser estipulada pelo ginecologista. O ácido fólico deve ser ingerido até a 12ª semana de gravidez ou conforme o seu médico indicar. Mesmo sendo uma vitamina, o consumo em excesso pode acarretar problemas ao seu organismo e prejudicar o desenvolvimento do bebê.

ácido fólico na gravidez

Engravidei antes de tomar. E agora?

Sem pânico! Se você tem uma dieta variada, o seu consumo de ácido fólico está dentro dos parâmetros normais para um adulto saudável. O nutriente está presente em diversos alimentos, como brócolis, verduras de folhas verdes escuras, fígado de boi, feijão, ovo, entre outros.

Além disso, como explicado anteriormente, toda a farinha de trigo comercializada no Brasil é enriquecida com ácido fólico. Por isso, alimentos como pão, biscoito e massas também são fontes desse nutriente. Procure seu médico assim que descobrir a gravidez e pergunte sobre a necessidade de complementar.

 

Não quer perder nenhuma de nossas dicas??
Siga todas as nossas redes sociais

FacebookInstagram (@ficargravida) e Pinterest.

 

Leia mais:

10 motivos para amar estar grávida

Gravidez no verão: veja dicas para amenizar o calor

Quando a barriga vai começar a aparecer?

Gases na gravidez: Quais são as causas? Como amenizar?

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.