HomeGravidezDicas, beleza e bem-estarPode amamentar na gravidez? Veja mudanças!
amamentar na gravidez

Pode amamentar na gravidez? Veja mudanças!

Você está amamentando e então se descobre grávida! A principal dúvida que surge entre a maioria das mulheres é se amamentar na gravidez pode trazer complicações para o desenvolvimento do bebê.

A preocupação é natural, mas não há motivo para interromper a amamentação em caso de uma nova gravidez. Então sim, você pode amamentar na gravidez. Não há contraindicações médicas e o hábito não prejudica o desenvolvimento do feto, mas a condição pode resultar em algumas mudanças.

amamentar na gravidez

Produção de leite pode diminuir

Um dos efeitos da alta hormonal que acontece no organismo da mulher durante a gravidez é a diminuição de produção de leite, situação que é agravada se o primogênito já comer bem outros alimentos. Conforme a demanda diminui, a quantidade de leite também.

Desmame natural

Outra situação comum é a própria criança optar por parar de mamar. Especialistas afirmam que o sabor do leite pode mudar durante a nova gravidez da mãe, por influência dos hormônios.

Perturbação na amamentação

Essas mesmas mudanças hormonais também podem causar um incômodo na mulher, chamado de “perturbação”. Mesmo aquelas que gostavam muito de amamentar, passam a se sentir extremamente incomodadas com o aleitamento. O sentimento pode ser temporário ou não, mas cabe a mulher decidir se iniciará o desmame.

Amamentar na gravidez causa contrações?

É normal a mulher sentir cólicas leves durante a amamentação, pois o aleitamento pode provocar contrações uterinas. Por isso, é fundamental informar o obstetra que estiver acompanhando o pré-natal se você estiver amamentando o filho mais velho.

Se as contrações estiverem fortes demais, principalmente na reta final da gestação e houver ameaça de parto prematuro, o médico irá recomendar o desmame da criança. Mas essa é uma situação rara!

amamentar na gravidez

Amamentar duas crianças

É importante que a mulher leve em conta com o desgaste físico e emocional de amamentar duas crianças, também conhecida como “amamentação em tandem”. A divisão do peito pode despertar sentimentos de ciúmes na criança mais velha e a mãe também pode se sentir culpada por não dar atenção exclusiva, no aleitamento, para o caçula.

Lembre-se que a amamentação deve ser um momento prazeroso para todos os envolvidos, então a família deve avaliar com bom senso o que é melhor para cada criança e para a mãe neste momento.

E se a mulher tiver dificuldades na amamentação, a busca por orientação é fundamental. Uma consultora de amamentação pode ajudar bastante nesta fase!

 

 

Não quer perder nenhuma de nossas dicas??
Siga todas as nossas redes sociais

FacebookInstagram (@ficargravida) e Pinterest.

 

 

Leia mais

Repelente para gestante: veja qual usar

10 coisas que você não deve dizer para uma grávida

10 motivos para amar estar grávida

Benefícios do sexo na gravidez

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Deixe um comentário