HomeGravidezDicas, beleza e bem-estarSérie para grávidas: assista Call the Midwife na Netflix
série para grávidas

Série para grávidas: assista Call the Midwife na Netflix

Vamos começar a semana com uma dica incrível de série para grávidas? Já há algum tempo que acompanho Call the Midwife, série inglesa que tem cinco temporadas disponíveis na Netflix e foi transmitida na TV pela BBC. Em tradução literal do inglês o título da produção é “Chame a parteira”. Ambientada nos anos 50, retrata a vida de Jenny Lee, interpretada por Jessica Raine. Ela é uma jovem enfermeira de 22 anos que trabalha como parteira ao lado de um grupo de freiras no East End, uma região de baixa renda em Londres (Inglaterra).

Além de acompanhar as histórias pessoais das parteiras e das freiras, a série tem casos de partos em todos os episódios e conseguiu retratar com fidelidade a situação precária da época, mulheres com cinco ou mais filhos, pouco conhecimento sobre a gestação, do parto e dos cuidados com o bebê. O papel do pai durante a gravidez e parto também é abordado, em uma época que o homem ficava do lado de fora do quarto enquanto a mulher tinha o bebê. Causa estranhamento e nos faz refletir sobre o quanto isso mudou (ou não) nas famílias atuais.

série para grávidas

Série para grávidas: produção reconstitui casos diversos

Call the Midwife é uma série para grávidas. Com centenas de partos, alguns parecem bem reais: com barriga de verdade, placenta, sangue, cordão umbilical. Vai ser possível ver um caso de bebê empelicado (que nasce dentro da bolsa), depressão pós-parto, prolapso de cordão, parto pélvico e apenas dois relatos de cesárea em todas as temporadas. Praticamente todos os partos eram realizados em casa e as parteiras eram as responsáveis por um modelo personalizado de pré-natal, com visitas à grávida nas últimas semanas de gestação. Elas também acompanhavam o pós-parto e orientavam as mulheres nos cuidados com o recém-nascido e amamentação.

A série é uma adaptação de Heidi Thomas para a trilogia autobiográfica de Jennifer Worth, falecida em 2011. No livro, Jennifer menciona que, como parteira, o grupo com qual trabalhava chegava a realizar cerca de 800 partos por mês, apenas na área em que o Convento atendia. As personagens que mais se destacam são as freiras. Com personalidades distintas e irreverentes, elas são consideradas excêntricas para a época e dão um toque de humor à produção.

E um aviso: vai ser difícil não assistir tudo de uma vez só! A série é deliciosa para uma maratona de domingo.

série para grávidas

 

 

Não quer perder nenhuma de nossas dicas??
Siga todas as nossas redes sociais

Facebook, Instagram (@ficargravida) e Pinterest.

 

Leia mais

Conheça algumas curiosidades sobre a gravidez

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.