HomeGravidezDicas, beleza e bem-estarTrabalhar na gravidez aumenta risco de pré-eclâmpsia, diz estudo
trabalhar na gravidez

Trabalhar na gravidez aumenta risco de pré-eclâmpsia, diz estudo

Um estudo realizado pelo Departamento de Obstetrícia e Ginecologia de uma universidade da Irlanda constatou que trabalhar na gravidez pode aumentar em até cinco vezes o risco de pré-eclâmpsia.

Segundo os pesquisadores, a principal causa do aumento da pressão nas gestantes que trabalham é o estresse provocado pelas pressões da profissão.

Estudo monitorou pressão arterial de gestantes

Para chegar a esta conclusão, os pesquisadores avaliaram 933 mulheres grávidas, na faixa dos 20 anos, que seguiram suas rotinas normais.

Elas foram divididas em três grupos:

1 – Gestantes que trabalharam durante a gravidez

2 – Gestantes que não trabalhavam antes de engravidar e permaneceram assim durante a gestação

3 – Gestantes que tinham um emprego, mas optaram por parar de trabalhar durante a gestação

Todas as mulheres foram acompanhadas entre a 18ª e a 24ª semana de gestação. Após monitorar as gestantes, os pesquisadores constataram as maiores leituras de pressão arterial no grupo 1, das mulheres que estavam trabalhando.

Pressão alta na gravidez, um perigo a ser acompanhado de perto!

O estudo não identificou os segmentos de trabalho nas gestantes. “Ficamos surpresos com a associação, especialmente porque excluímos do levantamento as mulheres que apresentavam alto risco de pré-eclâmpsia”, disse o professor John Higgins, líder do estudo, ao jornal Daily Mail.

trabalhar na gravidez

 

Mas fique tranquila: você não precisa parar de trabalhar na gravidez

Apesar do resultado, os próprios cientistas acreditam que faltam mais estudos para ter certeza se a causa do aumento da pressão arterial nas mulheres que fizeram parte da pesquisa foi somente o estresse no trabalho. Desta forma, nenhum grávida precisa se assustar e abandonar sua profissão.

 

Gravidez saudável envolve muitas questões

Além de evitar o estresse, as gestantes têm que manter uma rotina saudável para afastar o risco de pré-eclâmpsia, que pode acometer até mesmo mulheres que ficam em casa. Entre as orientações médicas, podemos citar o controle do ganho do peso, uma dieta equilibrada (evitando frituras, gorduras e alimentos com muito sódio) e a prática de atividade física, desde que com orientação médica.

trabalhar na gravidez

Trabalhar na gravidez: mulher deve manter uma dieta saudável e evitar o estresse

 

 

 

Não quer perder nenhuma de nossas dicas??
Siga todas as nossas redes sociais

FacebookInstagram (@ficargravida) e Pinterest.

 

 

Leia mais

Risco de pré-eclâmpsia aumenta no inverno

10 coisas que você não deve dizer para uma grávida

10 motivos para amar estar grávida

Gravidez no verão: veja dicas para amenizar o calor

Benefícios do sexo na gravidez

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.