HomeHistórias de SucessoRelato de tentante: Jennifer, mãe da Eloáh
Relato de tentante: Jennifer

Relato de tentante: Jennifer, mãe da Eloáh

O relato de tentante de hoje é de arrepiar. É uma linda história de fé e perseverança que as mamães tentantes entendem bem. Jennifer sempre sonhou com a maternidade e, mesmo com muitas negativas, jamais desistiu. E quando ela teve certeza de que a sua menina iria chegar, se preparou para surpreender o marido. Jennifer só não contava que a surpreendida seria ela.

Relato de tentante: Jennifer

Se você tem uma história tão bonita quanto a da Jennifer, mande para nós pelo e-mail redação@ficargravida.com.br com nome, idade e fotos da família. Para se inspirar, acompanhe este relato emocionante e cheio de amor.

 

O relato de tentante da Jennifer

“Sempre tive o sonho de ser mãe. Comecei o meu relacionamento em 2006 e me casei em 2010. Logo queria ter filho, mas meu marido não aceitou. Não estávamos bem financeiramente e não iríamos conseguir manter tudo o que uma criança exige. Passados quatro longos anos, em 2014, meu marido aceitou que eu parasse de tomar a injeção e a gente começasse as tentativas.

Passaram seis meses, o tempo que o médico pediu para que o efeito do anticoncepcional saísse totalmente do corpo, e nada! Voltei ao médico e ele me receitou remédios para ajudar na ovulação.  Foram mais seis meses e nada também. Só aí, passou um ano…

Meu médico pediu exames mais específicos. Nos mais simples (de rotina), estava tudo OK! Fiz a chamada histerossalpingografia, um raio-x das trompas. Lá deu que a trompa direita era obstruída e que a esquerda estava presa. Por isso, não chamava a atenção dos espermas. Ainda sim não tinha perdido a esperança.

Relato de tentante: Jennifer

Fui ao médico que tratava sobre a fertilidade e ele me disse q para eu engravidar teria q fazer a videolaparoscopia (uma microcirurgia). Se não fizesse, não teria chance da gravidez. Ali meu mundo caiu. Precisaria de mais de R$ 1 mil para realizar essa cirurgia e no momento nós não tínhamos.

Então, a tristeza tomou conta de mim, do meu ser… Todas as mulheres a minha volta engravidavam e eu não. Sofria muito a cada bebê que eu via, chorava cada vez que olhava um deles. Foram tantas provações… Cheguei ao ponto de ter raiva da minha melhor amiga por achar que ela falava do seu filho só para me atingir.

Passado este um ano, eu tive um momento com Deus! Pedi que ele acalmasse meu coração, pois não estava aguentando mais tanta dor e sofrimento por não ter o bebê q eu tanto sonhava. Os dias foram passando, meu coração estava mais calmo quando decidi colocar nas mãos de Deus. Quando chegasse a hora, o nosso sonho iria se realizar…

Num desses dias, falei com Deus e disse: ‘Senhor, se Tu não fores realizar meu sonho, tire esse desejo do meu coração. Mas, se for me deixe sonhar com o nome da minha promessa (meu bebê)’. Três dias depois e sonhei com uma voz que falava: ‘Jennifer, Eloáh’. Falou duas vezes e eu acordei sem entender nada.

Relato de tentante: Jennifer

Na metade do dia, comentei com minha cunhada e ela foi pesquisar o significado do nome. Quando ela me disse que Eloáh significa Deus, eu chorei. Percebi que começava ali a minha vida de amor e fé em Deus, pois Ele havia me ouvido e me respondido.

A partir desse momento, comecei a comprar coisas de menina: sapatinhos, tiaras, roupinhas bordadas com o nome dela, letras em MDF, escovas… Tudo já personalizado com seu nome Eloáh. Acreditei, porque se Deus me prometeu, Ele vai cumprir! Nunca mostrei para o meu marido, porque podia me achar louca e não deixar mais eu ter aquelas coisas. Cada coisinha que comprava era a minha fé que aumentava. Elas me davam a certeza de que logo ela estaria ali.

Neste tempo todo, tive um caderno no qual escrevia tudo o que sentia e os sonhos que eu tinha provando ainda mais que ela chegaria. Profetizei Nele que, até setembro, estaria com ela dentro de mim. Só não imaginava que realmente aconteceria.Relato de tentante: Jennifer

Comecei ter umas dores em baixo da barriga e comentei com meu marido que ia ao médico porque podia estar com infecção urinária. O doutor me pediu exame de urina e um beta hCG. Não descia há dois meses, mas, para mim, já era normal pois minha menstruação era desregulada.

Fiz os exames no dia 03 de setembro de 2016. No outro dia já ficaram prontos, mas nem liguei de ir buscar. Passaram 12 dias até eu voltar ao médico. Chegando lá, peguei os resultados. Meu marido abriu o envelope, começou a ler os exames e disse: ‘Cê tá grávida, mulher’. E eu falei: ‘Capaz, sempre dá esse monte de número e nunca é nada’.

Assim que entrei na sala do médico, ele me disse: ‘Parabéns, mamãe! Você está grávida!’. Eu fiquei sem acreditar. Ele me deu a carteirinha de pré-natal e continuei sem acreditar. Meu marido me perguntou se eu estava grávida e eu respondi que sim ainda meio boba.

Quando cheguei a minha casa, peguei a caixinha que já havia preparado há oito meses para contar a notícia ao meu marido quando ficasse grávida. Dei a ele mesmo ele já sabendo (rsrs). Quando ele começou a ler uma cartinha que eu fiz, a ficha começou a cair para o que realmente estava acontecendo. Aí, as lágrimas começaram a cair. Mas, eu ainda não estava acreditando naquilo tudo. Só acreditaria quando fizesse a ecografia e visse.

Logo fiz a eco e já estava de nove semanas. Lá estava meu bebê, se remexendo todinha do tamanho de um feijãozinho. No meu coração, eu tinha a certeza que era a minha princesa, a minha menina, a minha promessa.

Todos me perguntavam sobre o sexo do bebê e eu dizia que tinha certeza que era a minha menina Eloáh. Muitos duvidavam e eu chorava muito por isso, mas nunca deixei de acreditar que era ela. Batia o pé e dizia que era menina e pronto. Ela mostrou o sexo com 17 semanas. Só aí as pessoas viram que eu não estava louca e sim certa do que Deus havia me prometido.

Em nenhum momento depois que entreguei meu sonho a Deus perdi a fé. Por isso, Ele realizou o sonho mais lindo da minha vida: ser mãe!

Agora estou aqui completa e realizada com minha princesa nos braços, com três meses de vida! Aproveitei cada momento da minha gravidez e agora aproveito cada segundo ao lado dela!”

 

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Ficar Grávida é um blog com conteúdo voltado para mulheres que estão grávidas, já são mamães e também para as que querem engravidar. Aqui, nós conversamos sobre gravidez, filhos, saúde, comportamento, decoração, histórias inspiradoras e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@ficargravida.com.br

Sem comentários

Deixe um comentário